O melhor de Jaú e região em um só lugar! Desde 1999

Categoria: ,

Duas empresas disputam transporte em Jaú

Jauclick

Jauclick

Postagens assinadas como Jauclick fazem parte de conteúdos publicados pela nossa redação
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

(Diário do Jahu – Aline Campanhã) – Tarifa máxima deve ser de R$4,39; vencedora sai em breve.

A Prefeitura de Jaú realizou a abertura de envelopes do transporte coletivo na manhã desta segunda-feira (07/12). Há mais de seis meses, o serviço é prestado pela Viação Paraty, com base em um contrato emergencial, desde que a Auto Ônibus Macacari anunciou o encerramento das atividades. Agora, duas empresas disputam a concessão do transporte.

Após rápido cerimonial realizado no Salão Nobre da Prefeitura, houve análise da documentação das empresas interessadas, Viação Paraty e Rápido Sumaré. “As empresas deveriam encaminhar cópias autenticadas dos documentos e a Rápido Sumaré não fez assim. Há um prazo de 24 horas para ser apresentada a autenticação”, explicou o Secretário de Projetos, Alessandro Scudillio. Dessa forma, o processo deve prosseguir a partir das 14h desta terça-feira.

Caso problemas os documentais persistam, a Paraty deve ser declarada vencedora da licitação. Por outro lado, se tudo estiver regularizado, o processo vai se estender por mais cinco dias, até que haja uma definição. Ainda de acordo com Scudillio, “se as duas estiverem habilitadas, em cinco dias saberemos qual será a empresa responsável pelo serviço de transporte no município. A vencedora, se tudo ocorrer bem, assume em janeiro ou fevereiro”.

Valores
Com base no edital, a empresa vencedora será a responsável pelo transporte por 15 anos. Nesse período, deverá fazer um investimento estimado em quase R$38 mi. Além disso, a tarifa do transporte não pode superar os R$4,39 e será cobrado um valor de outorga, ou seja, um pagamento da empresa para a Prefeitura, no valor mínimo de R$985 mil. Basicamente, vencerá a empresa que apresentar maior valor de outorga, com menor preço da passagem.

 

EM DESTAQUE