Recorde trágico: 10 jauenses morrem de covid em um dia

Boletim da Prefeitura impressiona pelo grande número de óbitos por covid num só dia

O dia 2 de fevereiro em Jaú fica marcado por uma grande catástrofe com mais de uma dezena de mortos. Não foi um acidente de ônibus e nem um cataclisma natural, mas sim uma pandemia que fica mais forte e cruel a cada dia. O boletim epidemiológico da Prefeitura de Jahu registra 10 óbitos de moradores de Jaú nas ultimas 24 horas, além de mais dois moradores de cidades da região em tratamento na Santa Casa de Jahu e outras três mortes na condição de suspeita.

Nunca morreram tanta gente de Jaú por uma mesma causa num único dia. O JAUMAIS começou o dia informando dois óbitos de pessoas na faixa etária de 50 anos, cuja divulgação foi feita por amigos e familiares. Mas ao longo do dia outras pessoas morreram, sem que os nomes tenham sido divulgados. Funcionária da Santa Casa teria visto duas pessoas morrerem sentadas enquanto recebia atendimento nas dependências improvisadas por causa do colapso.

Jaú chega a 167 mortes desde o início da pandemia. Só em fevereiro são 15 em dois dias. Janeiro teve 56 óbitos.

Na estatística que mostra residentes de fora mortos em Jaú o índice está em 79.

CASOS

O boletim informa 58 casos positivos em 24 horas, um número considerado baixo pelo ritmo que a doença vinha se alastrando nos últimos dias. São 6,497 no total na cidade, incluindo os mais de 1.700 de janeiro e todo o ano passado.

Compartilhe com a geral:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

responde, jaú!

O que está achando do governo Ivan Cassaro?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

ANÚNCIOS LP NET

acervo câmera jauclick

EM DESTAQUE

O jauense Guilherme Fonseca, o GuiFera conquista, pelo Santos, seu tricampeonato. Lenda jauense do PES
Hospital Amaral Carvalho lança campanha do "Dezembro Laranja", com informativo com tudo sobre o Câncer de Pele.
Edital da benfeitoria em parceria da Caçambaria e Curso de Agroecologia da ETEC será colocado em prática mediante doações feitas até 20 de dezembro