O melhor de Jaú e região em um só lugar! Desde 1999

Categoria: , ,

Prefeitura de Jaú agora corre para usar testes

Quase 10 mil exames para Covid estão em estoque e vencem em julho
Diário do Jahu

Diário do Jahu

DDJ (Diário do Jahu), nosso parceiro de conteúdo.
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

Após anunciar que havia “encontrado” mais de 10 mil testes rápidos para Covid-19 no almoxarifado da secretaria da Saúde, a Prefeitura de Jaú agora acelera o programa de testagem. Com a pressão da mídia e de alguns vereadores, o objetivo é evitar o desperdício desses exames, que têm validade até o próximo mês de julho.

De acordo com a Prefeitura, a testagem em larga escala teve início nesta sexta-feira (16/04), com objetivo de testar servidores públicos municipais. “A força-tarefa tem como foco trabalhadores que atuam nos serviços considerados essenciais. Número significativo de servidores, devido às atribuições de suas funções, estão constantemente em contato com o público geral”, diz nota emitida pela secretaria de Comunicação.

Em fevereiro deste ano, o jornal Noticidade (SBT) divulgou a existência dos testes em estoque na secretaria da Saúde. Em 23 de março, em resposta a um requerimento assinado pelos vereadores José Carlos Borgo e Luizinho Andretto, a própria Prefeitura admitiu que apenas 487 pessoas haviam sido testadas até então, com utilização dessa remessa.

Esses testes foram obtidos no ao passado, por meio de parceria entre a Prefeitura e o Instituto Butantan, sem custos aos cofres municipais. Mesmo com a orientação internacional para testagem em larga escala, poucas ações foram realizadas em Jaú até hoje. Agora, próximo à data do vencimento, a Prefeitura divulgou essa ação, mas ainda não definiu outras estratégias para evitar o desperdício.

O resultado desse tipo de exame sai em 15 minutos e é enviado por mensagem SMS para o celular da pessoa. Para a população em geral, casos assintomáticos estão sendo testados na Central de Monitoramento Covid-19 (ao lado do Ceasinha), mediante agendamento prévio.

EM DESTAQUE