Blog do Moraes

gurijau

Blog do Moraes: OLHA AAAIIII – PROJETO GURIIII!!

No segundo post do Blog, falo sobre esse projeto sensacional que vai abrir inscrições.
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

Alo alo, o segundo post e praticamente a primeira matéria, o Blog vai falar sobre o Projeto Guri. Falaremos sobre detalhes e informações das inscrições que serão abertas semana que vem e depoimentos de professores e ex-alunos que levaram a música para a sua vida profissional. Vamos lá!!

Projeto Guri abre inscrições

O tradicional Projeto Guri abre suas inscrições nesta segunda-feira dia 07/06. As inscrições irão até dia 21/06.

Somente crianças, adolescentes e jovens de 6 a 18 anos incompletos podem se inscrever. Não é preciso ter conhecimento prévio de música, nem possuir instrumentos ou realizar testes seletivos.

O Guri de Jaú atualmente pela Sustenidos Organização Social de Cultura.

Informações: https://www.sustenidos.org.br/projeto-guri/
Detalhes do cadastro: http://bit.ly/Matrículas2021-2

Desde 1.995, O Projeto Guri é considerado um dos maiores programas socioculturais do Brasil no segmento da educação musical já tendo atendido 850 mil jovens.

Atualmente, são quase 400 polos e 50 mil alunos.

Quer conhecer o Projeto inteiro? www.projetoguri.com.br

Guri Jaú – Desde 2.002 na ativa..

O Projeto Guri de Jaú está estabelecido na Rua Tenente Lopes nº 350. Mesmo com a mudança da Secretaria de Cultura para a Estação Ferroviária, as aulas do Guri continuam no mesmo lugar.

O Polo Jaú é completo. Os cursos e aulas disponíveis e oferecidos são:

Contrabaixo Elétrico, Bateria, Clarinete, Contrabaixo Acústico, Coral Infantil, Coral Juvenil, Flauta Transversal, Guitarra, Iniciação Musical, Percussão, Saxofone, Teclado/Piano, Trombone, Trompete, Tuba, Viola, Violão, Violino e Violoncelo, Fundamentos da Música.

O Blog bateu um papo com alguns músicos que foram alunos do Projeto Guri por Jaú e região.

Murilo Fonseca foi aluno do Guri por dez anos. Se formou em Violão na Usc Bauru.

Hoje ele dá aula de violão em três cidades – Macatuba, Bariri e Dois Córregos e professor de musicalização no Colégio ADV na Barra Bonita.

Murilo Fonseca

“Fui aluno do Guri. Ele teve uma grande importância em minha formação não só como músico, mas também como cidadão. Ali socializamos através da música e tive curiosamente algumas experiências em conduzir algumas aulas para os colegas, era uma atividade em que o então professor Fábio Lopes nos propunha. Desde então despertei minha vontade em ensinar! Hoje trabalho no Guri há 10 anos! É sempre uma experiência engrandecedora.”

Giovani Avila atualmente é professor de guitarra, violão e contrabaixo de três pólos do Guri – Jaú – Bariri – Igaraçu do Tietê.

Há treze anos é guitarrista da Matéria Prima e atual produtor musical da banda e há 15 anos na Escola Duas Notas. Também é proprietário de uma oficina de lutheria no qual faz manutenção e reparos em instrumentos de corda. Foi aluno do Guri por 4 anos.

Giovani Avila

“Sou Giovani Avila, produtor, professor musical e luthier, sou formado em música pelo Conservatório de Tatuí no curso de violão erudito e Licenciado pelo Centro Universitário Claretiano.

Toda essa formação teve início despertado pelo Projeto Guri, no qual fui aluno do Maestro Fábio Lopez, um cara que incentivou muito naquele período. Era incentivado por ele nas aulas que despertava cada dia mais o levar a música como profissão, pois a cada aprendizado eu tinha a certeza de que levaria a música como profissão.

Desde então ali aprendia o que seria minha profissão no futuro, e não foi só no conteúdo musical, e sim também no social, interagindo com os colegas, respeitando as dificuldades, mas lembrando sempre que éramos uma orquestra e que um dependia do outro. Desde então despertei minha vontade em ensinar! Hoje trabalho no Guri há 12 anos, no qual tenho muito orgulho de dizer que fui aluno e hoje sou um professor.”

Acompanhe o instagram do músico: GiovaniAvilaGuitar

Vinicius Anselmo é um ex-aluno do Guri que exerce de alguma forma a música como profissão.

Vinicius Anselmo

“O Guri com certeza foi muito importante pra minha vida, comecei quando tinha 10 anos, no contra baixo elétrico, depois passei pela bateria e por fim cheguei no violão, instrumento pelo qual mais me identifiquei. Fiquei alguns anos tendo aulas no guri de Jaú, porém acabei me mudando para Catanduva, e no Gri de la, comecei a estudar contra baixo acústico, o que me abriu portas pra tocar em algumas orquestras e até mesmo ir para festivais em outros estados.

Já toquei em bandas sinfônicas e já dei aulas de violão por um tempo, enfim, o Guri com certeza transformou minha vida para melhor, me trouxe amizades incríveis que carrego comigo até hoje, e para todos que me perguntam, eu sempre recomendo matricular seu filho ou parente no Guri, essa instituição tão sensacional da qual fiz parte por mais de dez anos!”

A jauense Chris Napoleão e é formada em violão erudito e cordas dedilhadas históricas pelo Conservatório de Tatuí e Tecnóloga em Produção Fonográfica pela Fatec-Tatuí, além de ser solista de violão erudito e guitarra barroca. Chris também trabalha na área de Direito Autoral. Foi do Projeto Guri por sete anos.

CHRIS NAPOLEÃO

“Fiz parte do Projeto Guri – Polo Jaú de 2.006 a 2.013 cursando violão erudito. Quando iniciei o curso não possuía conhecimento algum sobre música e foram sete anos de aprendizado, muitas experiências e novas amizades. Foi um período muito importante da minha vida que guardo até hoje nas minhas lembranças. O Projeto Guri foi uma porta de entrada e hoje, a música faz parte da minha vida e da minha trajetória. Sou grata por tudo que aprendi com os professores e amigos, que além de me ensinarem sobre música, também me aconselharam e ajudaram sobre a vida. “

Conheça mais o trabalho do Chris Napoleão clicando neste site:
https://chris.agaerre.com.br/

Dois professores dos polos na nossa região falaram do trabalho do Guri. Acompanhe:

Fabio Lopes é um dos músicos e professores mais emblemáticos do Projeto Guri. Ele está desde o começo do polo da cidade. Fabio foi aluno do Conservatório de Tatui e tem bacharelado em música popular na UNICAMP.

Foi Diretor Musical de Jaú de 2005 a 2011 e professor de guitarra na USC em Bauru.

FABIO LOPES

“Em Jaú, desde 2002, o projeto guri tem por finalidade a educação, a socialização e a inclusão por meio da música. Eu estou no projeto desde sua implantação na cidade, e tive a oportunidade de propiciar um incontável número de experiências musicais na vida de crianças e adolescentes que, se não tornaram-se músicos, ao menos agregaram em sua formação valores inestimáveis no se que se refere à cidadania e respeito aos direitos humanos”

Denis Rodrigues foi professor do Guri durante 11 anos na área de metais no Polo Jaú e Dois Córregos.

DENIS RODRIGUES

“Sempre é muito bom falar sobre o Projeto Guri, afinal, estamos falando do maior programa de educação voltado para a formação musical de crianças e adolescentes do nosso país, onde trabalhei durante 11 anos. Atuei como educador musical da área de metais nos polos de Jaú (quando ainda era na Estação do Som) e Dois Córregos, onde também fui regente. Lá tive a oportunidade de crescer profissionalmente e viver experiências importantíssimas pra mim e o que dizer para os inúmeros alunos que por ali passaram.

Frequentemente reencontro esses ex-alunos, hoje, já adultos e percebo a diferença que a música fez em suas vidas, não me refiro apenas ao aspecto artístico, mas sim ao aspecto humano, muitos deles se tornaram ótimas pessoas, trabalhadoras, honestas e que de alguma forma agora dão a sua contribuição a sociedade. Um exemplo muito bacana é o da Larissa Rossi, minha ex-aluna do Projeto Guri de Dois Córregos e que recentemente assumiu a presidência da Associação para o Fomento e Incentivo Cultural e Artístico (AFICA). Muitos se tornaram advogados, engenheiros, arquitetos, professores, etc. e há também entre eles aqueles que seguiram carreira na área da música. Tenho alunos que estudaram no Conservatório de Tatuí ou que fizeram uma Faculdade de Música, dão aulas, tocam em bandas, enfim, fizeram da música seu principal ofício. Um verdadeiro orgulho pra mim saber que pude de alguma forma contribuir para o desenvolvimento não apenas técnico, como também humano de cada um.”

BLOG

Além de formar músicos, professores de música ou profissionais na área musical, o Projeto Guri completa o plano educacional de uma criança e adolescente, sempre trabalhando no contra turno da escola e, mais do que a formação musical, ela ajuda na formação das crianças e adolescentes como homens para a vida mesmo. Instrumento de transformação de sociedade.

Em 2.019, o Governo do Estado cogitou em acabar com o Projeto Guri mas voltou atrás. Lembro da mobilização em rede social com #ficaguri.

O Governo voltou atrás.

Sorte para as crianças e adolescentes e suas famílias.

Vida longa ao Projeto Guri!

CÂMERA JAUCLICK

ÚLTIMAS NOTÍCIAS