Jauclick Notícias de Jaú e Região

Sexta na OAB exibição do documentário Niéde

Exibição terá a presença do diretor Tiago Tambelli que baterá um papo após o filme que conta toda a história e importância da jauense na Arqueologia do continente americano.

Sexta,  A 11 Editora, a Arqueologika e a Comissão de Cultura e Eventos da OAB-Jaú realizam na sede da OAB a exibição do filme Niéde.

O filme será exibido de forma GRATUITA no auditório da OAB de Jaú, dia 23/09/22 às 19:30.

Niede Guidon é uma arquéologa jauense conhecida mundialmente. Os estudos de Niéde reviraram tudo o que se sabia sobre a chegada do Homo sapiens às Américas.  Depois dela já foram descobertos novos vestígios no Brasil e na América do Sul que são bem mais antigos.  O seu trabalho no Parque Nacional da Serra da Capivara, no Piauí, defende que os primeiros homens a chegarem na América o fizeram há cerca de cem mil anos.

O documentário tem a direção Tiago Tambelli que estará presente na exibição.

PAPO COM DIRETOR

Após a exibição, haverá debate com o diretor Tiago Tambelli.  Além de Niede, Tiago já dirigiu documentários como 20 Centavos, Das Almas e Escolas em Luta além de ser diretor de fotografia de vários outros docs entre eles Dominguinhos, Brincante e  Cidade de Cinzas.

Ele é membro da Associação Brasileira de Documentaristas (ABD) e sócio efetivo da Associação Brasileira de Cinematografia.

NIÉDE – O FILME

Dirigido por Tiago Tambelli, “Niède”  acompanha toda a jornada que Niède teve que fazer para conseguir estruturar um sítio arqueológico naquela região, as polêmicas locais que foram geradas e todas as incríveis descobertas que obtivemos a partir do estudo dela. Partindo deste ponto o didatismo na forma é algo compreensível, e louvável, pois a intenção é que mais pessoas saibam de cada processo que envolve firmar um projeto deste e como os estudos são realizados. A partir desta lógica veremos uma construção bastante sólida através de toda a carreira da cientista, inclusive seus problemas diretos com a ditadura militar. Sem recursos estilísticos, sem chamar atenção pra si, Tiago arquiteta um longa com qualidade ímpar, que dura duas horas e quinze minutos que perde ritmo raramente durante a projeção, tamanho fascínio que gera no espectador.

Retratando a dificuldade de manter um projeto científico no Brasil, o filme irá mostrar os meios utilizados para que os estudos pudessem ocorrer com a precisão que era necessário.

Além disso, irá explicitar todo o trabalho de longo prazo que Niède realizou para que fosse criada uma conscientização da importância daquilo à história nacional, trabalhando diretamente com crianças em projetos educacionais.

Fonte: vertentesdocinema.com

Confira o trailer:

 

 

 

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

mais lidas dos últimos 30 dias
agenda jauclick
quintaomega

Acústico S3

Omega Lounge

quintajimis

Le e Rafa Ometto

Jimi´s

acervo jauclick