Imagine … 50 anos da Consciência Negra

IMAGINE.... – 50 ANOS DO DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA - escrito por Luiz Augusto Vendramini

IMAGINE…. – 50 ANOS DO DIA DA  CONSCIÊNCIA NEGRA

Por Luiz Augusto Vendramini – Professor

Imagine você, hoje. Ter amigos, ter sua família, ter os seus bens, sua cultura, sua felicidade em geral, por menor que seja, roubada.

Imagine, de repente, do nada, te sequestram, ou sequestram alguém da sua família, ou algum amigo seu. Do nada.  Levam ele para um lugar que você desconhece, e nunca mais ouve falar dele.

Imaginou?

Imagine milhões de africanos, do nada, serem retirados do seu local, do nada, serem sequestrados, humilhados e serem tratados como bichos, e serem escravos numa terra distante.

Então, se não imaginou, imagine! Foram tiradas as suas vidas, seus familiares, e tudo parece ser apenas algo comum, só para você.

Hoje, no dia da Consciência Negra, procure refletir um pouco sobre essa questão, e verás que temos um passado obscuro em nossa história como província portuguesa, ou como um império, ou ainda como uma república que abandonou essas pessoas, como se fossem nada, que é muito mais crítico, do que você apenas achar que é apenas mais um feriado.

Estamos falando de pessoas que foram sequestradas de suas casas, e levadas ao fim do mundo, e depois foram apenas tratadas como se tivessem sido apenas um fato normal na história, e ainda hoje, seus descendentes são tratados assim por muita gente, e por pessoas que não entendem, do que se tratou a história.

Se você acha, que qualquer dívida com os seus descendentes (como uma cota na Universidade, ou em um concurso) é mera babaquice, você está apenas sendo, e tendo, o mesmo caráter dos sequestradores de outrora, apenas atualizado para o século 21, de pessoas (se é que podemos pensar assim com o lado humano) que acham que por ter um amigo afrodescendente é o suficiente, de que não são racistas.

Mas lamento (ou não sei se lamento, apenas tenho nojo) dizer: você tem um caráter manchado pelo preconceito e a infelicidade de você ser chamado de Humano.

Se você se doeu com essa mensagem, principalmente por ser contra uma cota racial na UNIVERSIDADE PÚBLICA: FODA-SE VOCÊ.

Qualquer tentativa de resgatar ou pagar um pouco dessa dívida é algo Mínimo, muito mínimo, de toda MALDADE feita com esse povo. Diria que algo irrisório, irrelevante, para tentar perdoar uma dívida do passado. Talvez só vá aprender alguma coisa de humanidade quando sequestrarem e roubarem alguém de sua família.

LUIZ AUGUSTO VENDRAMINI

Professor da Rede Pública e Privada – Nível Médio e Superior

Compartilhe com a geral:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

responde, jaú!

O que está achando do governo Ivan Cassaro?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

ANÚNCIOS LP NET

EM DESTAQUE

O jauense Guilherme Fonseca, o GuiFera conquista, pelo Santos, seu tricampeonato. Lenda jauense do PES
Hospital Amaral Carvalho lança campanha do "Dezembro Laranja", com informativo com tudo sobre o Câncer de Pele.
Edital da benfeitoria em parceria da Caçambaria e Curso de Agroecologia da ETEC será colocado em prática mediante doações feitas até 20 de dezembro