Santa Casa de Jaú tem corte de R$ 1 milhão em recursos

Governo de SP reduz em 12% as verbas destinadas a hospitais

As santas casas e hospitais filantrópicos do estado de São Paulo têm corte de 12% nos recursos que recebem do governo. Medida que foi publicada no Diário Oficial nesta quarta-feira, 6, atinge, em meio à pandemia, 180 unidades hospitalares, inclusive a Santa de Casa de Jaú.

Segundo o provedor Alcides Bernardi Júnior, o hospital jauense deixa de receber um milhão por ano com essa nova medida. E apesar da Secretaria de Saúde de São Paulo afirmar que a verba será retirada de apenas dois programas do governo, o Pró-Santa Casa e o Programa Sustentável, Júnior declara que a perda implica em todos os setores da unidade hospitalar.

De acordo com a Secretaria de Saúde do Estado o corte foi adotado por conta da “necessidade de ajuste orçamentário de custeio” devido a aquisição de insumos e contratações de emergência para o combate do Covid-19.

Santas Casas e hospitais filantrópicos acionam Justiça contra corte
A redução nas verbas surpreendeu as entidades, que decidiram, em reunião nesta quinta, 7, não assinar novos contratos até que a medida seja revogada. Dessa maneira, a Federação das Santas Casas e dos Hospitais Beneficentes de São Paulo (Fehosp) decidiu entrar na Justiça contra a decisão do governo do estado.

Compartilhe com a geral:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

responde, jaú!

O que está achando do governo Ivan Cassaro?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

ANÚNCIOS SUMUP CONSULTOR PETERSON