Vocês acreditam que o Herbert fez uma pergunta pra mim?

Blog traz um resumo do show do Paralamas ontem, algumas estórias e detalhinhos..

Ontem o Griswolds me proporcionou trabalhar no show do Paralamas. A banda fez o show de abertura. Eles fizeram um baita show.

Trabalho com eles desde 2.015. Fer Lazzari, Alexandre Lazzari e o Naka são meus amigos das antigas. Morar no interior tem desses prazeres, de acabarmos trabalhando com os amigos. Isso pode até ser perigoso para a amizade. Mas no meu caso. Amizade e o profissionalismo no caso do Griswolds não se confrontam. E montamos um time forte para jogar ontem no Caiçara.

O show do Griswolds é muito nostálgico. Então acabou transversalizando bem com o show do Paralamas.

Quem chamou a banda para abrir o Paralamas, foi o Alexandre Ometto, Diretor Social do Caiçara. A gestão que ele participa que tem o Gustavo Cambaúva como presidente  coloca o patamar do clube em realização de grandes shows. Subiu o patamar total e a exigências para os outras gestões aumentaram.

Mas porquê? Porque colocaram uma pessoa que é do ramo na direção social. Faz e fez toda a diferença nessa última gestão. E não é puxa-saquismo de amigo não. É só olhar para os últimos dois anos do Caiçara.

Acho que foi meu terceiro ou quarto show do Paralamas. O primeiro foi em 1.993 no Flávio de Mello. Abriram com “Carro Velho”.

Ou eu estou ficando muito louco, mas em 1.995 eu fui ver o Paralamas com o  Rodrigo Galdino na Barra Bonita. Aniversário da cidade. Lembro que o Herbert fez uma homenagem para o Mamonas Assassinas uma vez que o acidente tinha acontecido semanas antes desse show.  Herbert fez sozinho na guitarra e cantou Pelados em Santos.

Ontem perguntei para o Bia, o Otavio Bauer Filho, do ano de um show que vi do Paralamas na Expo-Jaú ele consultou seus oráculos e chegou a conclusão que era 2.008. Foi o primeiro show que vi pós acidente do Herbert. Eu lembro de ter gostado mas as limitações pareciam latentes.

Ontem! Meu Deus!  Do nada, uma intro rolando o The Who, ai ataque do Paralamas!

As três primeiras – Vital e Sua Moto – Cinema Mudo e Ska. As quatro ultimas – Perplexo – Ela Disse Adeus – Caleidoscópio – Meu Erro.

No meio ai você escolhe aleatoriamente ok? Lourinha Bombril, O Beco, Alagados, Óculos, Melo do Marinheiro, Lanterna dos Afogados, A Novidade, Você/Gostava tanto de você, Trac Trac, O Calibre, Selvagem, Cuide bem do Seu Amor, Aonde quer que eu vá, Uma Brasileira, O amor não sabe esperar e mais alguma provavelmente.

Baroni e Bi Ribeiro do mesmo jeito sempre. E o Herbert Vianna muito bem! Muito bem!

Foto retirada da fanpage do RC Produções Artísticas

É assim. Não existiu nenhuma música desconhecida. A música preferida de todos que estavam no show duvido que não tenha sido executada. Mesmo a pessoa que foi no show só na onda, conhecia todas.

Depois de 40 anos, os caras chegaram em um patamar que eles fazem o que eles querem, tocam o que eles quiserem. Bola uma turnê chamado “Clássicos” e phoda-se!

Como estava com o Griswolds, tinha acesso ao backstage. Ficava atrás vendo a movimentação, mesmo na hora do show.

Antes de começar, eles chegando, fiquei do lado da passarela de acesso do Herbert. Um cuidado total. Ele entrou com uma cara bem fechada. Um semblante de que passa por lutas diárias.

Acabando o show voltei para o backstage e acabamos tirando uma foto que vou guardar para o resto da minha vida. João Fera, João Barone, Bidu Cordeiro, eu, Fernando do Griswolds e o Marrom de Mineiros, responsável pelos painéis de led do show.

Foto para posteridade!

Na sequência vem o Herbert.. E não é que do nada ele estende a mão e pergunta se nós tínhamos gostado do show? Eu não acreditei. Respondi meio atrapalhadamente.  Ele tava feliz e muito educado. Ainda perguntamos se poderíamos tirar uma foto, ele educadamente jogou a bucha para o segurança dizendo que ele manda etc e tal.. Sem problema nenhum! O homem entrou fechado ou concentrado vai saber e saiu feliz do show.

E não tem como passar por tudo isso e não lembrar do Betinho. Beto era nosso Herbert. E não é pela careca. Tal qual o Herbert, Beto tinha uma pegada rock ´n roll e uma brasilidade aflorada.

Lá por 2.014 ou 2.015, Eu e Gabriel no General convidamos ele para montar um Tributo Paralamas. Ele aceitou na hora. E montou um timaço. No General foram dois shows!

Cara, esse final de semana para mim vai ser  inesquecível. Paralamas, junto com Titãs e Barão, é uma das minhas preferidas. E esses momentos de ontem vou guardar totalmente na memória. E quem estava no show vai guardar em um lugarzinho diferente esse show do Paralamas!

 

Acompanhe esse link com meia hora do show do Paralamas postado pela Central da Notícia

CLIQUE AQUI

 

Compartilhe:

Picture of Wilson Moraes

Wilson Moraes

Wilson Moraes, o Moraes, escreve periodicamente no Blog do Moraes, agora aqui no Jauclick

Agenda Jauclick

publicidade

Seu site merece estar no topo!

Desenvolvemos sites com tecnologia preparada para integrar com as melhores ferramentas.

PUBLICIDADE - SOCIAL

Fortaleça a mensagem da prevenção!

Conheça as campanhas de prevenção trabalhadas no Hospital Amaral Carvalho e acesse e compartilhe os materiais para ajudar a levar a informação para mais pessoas.

Mais Blogs do Jauclick

Foto-03-1024x801

Jogo Rápido - Comedy Night

Estreia do quadro "Jogo rápido" do Blog do Moraes começa com os artistas do Comedy Night.... (leia mais)
Cinema e Futebol Americano

Cinema e Futebol Americano

Superbowl acontece no domingo. E para dar uma aquecida no maior evento esportivo do mundo (quando falamos em alcance, transmissão... (leia mais)
remasteredmosaico

Remastered: 8 documentários sobre música e afins...

No post da semana, Mora deixa umas dicas e Remastered ganha destaque... (leia mais)